Plástico Elegante!

Esqueça tudo o que você já viu de sapatos de plásticos por aí. A Serpentine foge da linha “adolescente” para apresentar calçados super bem feitos e diferentes, que muitas vezes nem parecem plástico.

Isso acontece porque após sair das máquinas, todas as peças passam pelas mãos de artesãos, que finalizam cada produto individualmente, chegando a acabamentos tie dye, metalizados e até texturas.

São 18 modelos, entre sapatilhas, sandálias, chinelos e tênis. A tecnologia chega aos detalhes, como as palmilhas revestidas de couro e peças com respiro, para garantir conforto e qualidade. Ganhei uma no lançamento da marca (a sapatilha/espadrille, linda!) e já usei muito: super confortável!

Meus modelos preferidos!

O bom é que os preços são super acessíveis: entre R$ 48 (chinelo) e R$ 140 (tênis). Por enquanto é possível comprar na loja própria Serpentine (R. Augusta, Rua Augusta, 2529 – 5º andar), mas a ideia é distribuir para todo o Brasil.

Para ver mais modelos, é só ir até a fan page do Trend Tips!

Artigo anteriorA.A. – Avon Glow!
Próximo artigoTrend Tips Indica #23!

Também pode te interessar...

Comentários

  1. Realmente não parece plastico, diferente dos calçados da melissa por exemplo que vc bate o olho e sabe que é plastico, além de ficar desconfortável no calor D:

    A sandalinha vermelha é linda, linda ;)

  2. Realmente, não parecem ser plásticos mas sinceramente não gostei. Achei simples e feia rsrs…é sou um pouco perua (às vezes rsrs) e prefiro Melissa, mesmo sendo uma tortura para os pés assim que começa a usar mas depois eu me acostumo e já não sinto o pé doer rsrs..

  3. Pois a Melissa levou 30 anos para desenvolver revestimentos internos que “queimem” menos o pé e fiquem mais usáveis.

    Tu disse que usou muito qual é impressão ao usar? Sensação tipo: calor, dor, maciez…

    Mas os modelos estão muito lindos, bem adultos mesmo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Social Media

Vídeos

Instagram

Quem escreve